Indaiatuba

São Paulo bate recorde de mamografias

O operador de máquinas Marcelo William de Lima, de 27 anos, residente no Jardim Morada do Sol, foi assassinado na manhã de quinta-feira, dia 8, em Campo Limpo Paulista, região de Jundiaí. Dos dez tiros que recebeu, cinco acertaram o morador local à curta distância. Lima era casado e deixou duas filhas menores. Segundo informações da Polícia Civil, a vítima tinha passagem por roubo à mão armada, em que foi condenado a pena de cinco anos e três meses de prisão pela Justiça de Indaiatuba. Depois dos levantamentos dos peritos do Instituto Médico Legal (IML) de Jundiaí, o corpo foi removido ao Instituto Médico Legal (IML), da mesma cidade, onde passou por exames nescroscópicos, através do médico legista Braz Henrique Delgado. Ele atestou como causa da morte politraumatismo por agente contundente. O corpo de Lima foi transladado para Indaiatuba e o sepultamento aconteceu às 14 horas da última sexta-feira, dia 9, no Cemitério Municipal Parque dos Indaiás.


Fonte:


Notícias relevantes: