Saae e Cetesb continuam trabalhos

Indaiatuba

Saae e Cetesb continuam trabalhos

Indaiatuba é uma das 125 cidades que serão beneficiadas pelo Programa Especial de Melhorias (PEM) da Secretaria de Estado da Habitação, para a execução de obras de acessibilidade em conjuntos habitacionais. O protocolo de intenções foi assinado na quinta-feira passada, dia 29, porém, a liberação da verba dependerá da apresentação do projeto. O recurso de R$ 112 mil deverá ser aplicado na reforma e ampliação do Pólo Assistencial de Apoio Sócio-Educacional Infantil João Pioli (Paasi). Compareceram ao evento com o secretário de Estado e presidente da Com-panhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano  (CDHU),  Lair Krähen-bühl; o prefeito em exercício, Antônio Carlos Pinheiro (PTB); e o secretário municipal de Habitação, Gervasio Aparecido da Silva. Segundo a assessoria de imprensa da CDHU, o documento é a primeira fase para execução de obras de acessibilidade, baseadas nos conceitos do Desenho Universal, infraestrutura e inclusão digital em conjuntos habitacionais entregues pela companhia. O governo do Estado irá investir R$ 20 milhões. “Esses recursos  vão proporcionar maior qualidade de vida não só aos deficientes que moram nos conjuntos da CDHU, mas para toda a população do Município”, declarou Krähenbühl. Os valores serão repassados diretamente às prefeitura para construção, reforma e ampliação de centros comunitários e outros aparelhos de uso coletivo em bairros degradados com população com renda de zero a cinco salários mínimos. Os projetos devem contemplar os princípios do Desenho Universal, sendo que as obras incluem rampas de acesso, recuperação e rebaixamento de calçadas e infraestrutura de informática (cabeamentos e ligações) para futura instalação de equipamentos de inclusão digital, o que pode ocorrer através do Programa Acessa São Paulo, também do Estado.


Fonte:


Notícias relevantes: