Indaiatuba

Governador inaugura novo prédio da Fatec

A Tribuna divulgou no sábado, dia 10, matéria sobre o aumento no preço dos laudos para transferência de veículos. O reajuste foi de 62,5% e quase nenhuma empresa quis falar sobre o assunto. Quem falou, se recusou a se identificar. Por que será? A atividade não é lícita? O que chamou bastante a atenção é que não existe um órgão que regula os valores destas vistorias. O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) se eximiu da responsabilidade, assim como a Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran).


Fonte:


Notícias relevantes: