Indaiatuba

PM abre concurso para contratar 500 soldados

Na tarde do dia 18, a jovem de 25 anos também foi vítima de violência sexual, mas só relatou após ser chamada para fazer reconhecido de Ronilton, que estava com seu carro. Segundo depoimentos, ela sofreu abuso de várias maneiras, mediante força física e com arma apontada em sua cabeça por Ronilton. Como prova material do estupro consumado, a jovem teve que ser submetida a exames de corpo de delito, além de outras provas materiais que estão de posse da Polícia Civil. Ronilton Gonçalves Pinheiro foi indiciado em inquérito policial por roubo, receptação, porte de entorpecentes, além de estar na condição de procurado pela Justiça. Ele foi encaminhado ao Complexo Penitenciário de Hortolândia e também responderá por estupro.


Fonte:


Notícias relevantes: