Indaiatuba

Trabalhadores dos Correios votam a favor de início de estado de greve

Mesmo com a declaração do candidato do PHS, Emanoel Messias Silva dos Santos, que afirma não possuir recursos para utilizar em sua campanha, os valores apresentados pelos candidatos a deputado federal superam os números dos estaduais. Com R$ 397.230,00, José Onério da Silva, do PPS, é o candidato que possui a maior receita de campanha. Desse montante, R$ 376.500 correspondem a recursos próprios, enquanto os valores doados pelo partido somam R$ 930. O restante representa as doações feitas por pessoas físicas. Ao contrário de seu adversário político, Luiz Carlos Chiaparine (PDT) declarou possuir a maior parte de sua receita proveniente de pessoas físicas. Dos R$ 105.102,75 apresentados como receita de campanha, R$ 47.500 são doações de pessoas físicas. Pessoas jurídicas doaram R$ 4.400 ao atual presidente da Câmara. Deputado federal por duas vezes, Neuton Lima, do PP, tenta ocupar o cargo mais uma vez com uma receita de campanha de R$ 14 mil, valor correspondente a doações. Por fim, Janio Ribeiro (PT) informou ao Tribunal Regional Eleitoral que a sua campanha possui uma receita de R$ 10.788,05.


Fonte:


Notícias relevantes: