Indaiatuba

Prefeitura mantém estrutura precária do Parque Ecológico

Para os próximos anos, a expectativa é que o indicador de educação deixe de sofrer queda. Segundo Rita, as escolas de ensino infantil municipais respondem por mais de 50% do total de crianças matriculadas em escolas deste tipo na cidade. Em 2010, Indaiatuba tem 4,1 mil alunos na pré-escola e 2,7 mil crianças nas creches. Na área de saúde, que obteve o melhor índice este ano se comparado com as últimas duas pesquisas, o principal “alavancador” dos números é a constante redução da taxa de mortalidade infantil. Segundo o secretário municipal de Saúde, José Roberto Destefenni, a busca pela diminuição desta taxa só foi possível devido a algumas medidas. “Já em 2007 a secretaria atendia 95% das mães em consultas de pré-natal, este ano a meta é atingir 97%, o que melhora ainda mais o índice Firjan”, conta. Para Destefenni, a constante redução de óbitos infantis por causas evitáveis e de óbitos mal definidos também sofreu grande redução nos últimos três anos. Em 2007, o número de óbitos infantis por causas evitáveis era de 65%, este ano, segundo o secretário, o número deve chegar a 33%.


Fonte:


Notícias relevantes: