Indaiatuba

Lar de Velhos promoverá megabazar no domingo

As facilidades de pagamento e poder de compra do consumidor, tornaram o acesso aos celulares mais fácil e ajudam a concretizar os números. Atualmente celulares podem ser parcelados em até 10 vezes sem juros, e dependo o plano escolhido, o aparelho sai gratuitamente. “Hoje as operadoras preferem fidelizar o cliente. Muitas vezes o aparelho é ofertado gratuitamente e o cliente ainda pode agregar bônus, para trocar de aparelho a cada ano”, conta a lojista. “Isso possibilitou que muitos clientes passassem a trocar de aparelho duas vezes ao ano”, conclui. Hoje, ter um aparelho que efetua chamadas a longa distância não é mais o mínimo de quesito exigido pelo consumidor. O interesse atual, principalmente do público mais jovem, é um celular com atributos de uma agenda telefônica e de dados extensos, tocador de músicas, câmera fotográfica, TV e acesso a Internet em qualquer lugar. De encontro com essas novas exigências, a grande aposta para o setor nos últimos anos são os smartphones. Segundo Giseli, as vendas de Natal foram 15% maiores que 2009 e o foco foram estes celulares. “Até pouco tempo, vendíamos esses aparelhos para executivos, hoje, o público jovem é o que tem mais interesse”, comenta. A grande procura desse tipo de aparelho tem sido favorecida principalmente pelas redes sociais, como Orkut, Facebook e Twitter, que podem ser acessadas de qualquer lugar com a tecnologia 3G. Ainda é possível arriscar que a tendência de mercado mude o estilo de vida das pessoas. “O avanço fez com que as pessoas abrissem os horizontes. Hoje elas não saem de casa sem a carteira, a chave do carro e o telefone, pois no aparelho, ela sabe que tem o ‘mundo nas mãos’”, completa Giseli.


Fonte:


Notícias relevantes: