Indaiatuba

Fim da convenção coletiva pode fechar comércio no feriado

Mesmo com um valor negociado bastante inferior aos números atuais, durante o período analisado, o ano de 2005 é o que apresentou o maior crescimento das exportações em Indaiatuba. Neste ano o aumento foi de 99,06% em comparação com 2004. Em valores, as empresas locais exportaram R$ 303 milhões em 2004 contra R$ 604 milhões no ano seguinte. A maior parte dos produtos fabricados em Indaiatuba é exportada para os países do Mercosul. De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento, 60% vão para a Argentina, Chile, Colômbia e Venezuela. O restante foi comercializado com os Estados Unidos, México, Alemanha e Japão. Para o secretário municipal de Desenvolvimento, Edmundo José Duarte, mesmo com o aumento, o crescimento da cidade foi pequeno. “A nossa perspectiva era que os valores seriam maiores do que os apresentados. Até agosto vínhamos em um ritmo muito bom, mas, a partir daí ele começou a cair, e isso me chamou a atenção. Eu acredito que isso foi motivado pela defasagem cambial que influenciou o mercado”, afirma o secretário.


Fonte:


Notícias relevantes: