Indaiatuba

Debate com candidatos recebe inscrições

Durante todo o ano passado, o Clube 9 de Julho se absteve da vida social de Indaiatuba, à exceção do Baile do Hawai, contrariando uma tradição que vem desde sua fundação, há 53 anos. Preocupado com essa ausência, um dos primeiros atos do novo presidente Hélio Roberto Castro, o Sanã, foi organizar às pressas uma noite dançante no último dia 8, que passa a se chamar 9 para Dançar, cuja próxima edição será no dia 29. “O René (Sigrist, presidente que deixou o cargo no final do ano passado) alegava que os eventos sociais só davam prejuízo, mas eu acho que um clube com a nossa história não pode abrir mão disso”, diz. Para revitalizar o setor, Sanã convidou Marks Pintija para a Diretoria Social, Comunicação, Cultura e Arte. Nos anos 90, ele promoveu diversos shows na cidade, como os Mamonas Assssinas, Titãs e Paralamas. “Como primeiras ações, já estão certas as voltas do Baile de Aniversário e do Réveillon, além das Noites Dançantes, que ganharão um novo formato”, conta Marks. A diretoria pretende ainda realizar uma festa para os associados no dia 9 de Julho, feriado estadual, com diversas atrações e atividades durante todo o dia. Sobre o Carnaval, a ideia é fortalecer os bailes diurnos, as chamadas matinês, e estendê-las até mais tarde. “Nosso Carnaval nunca foi muito forte à noite e como já estamos em cima da hora, vamos focar nas tardes de sábado e segunda-feira”, avalia o presidente. O Jogo das Peruas, evento que acontece no domingo de carnaval e sucesso há três anos, será mantido. “Só que não vamos atrasar como no ano passado, em que o passeio de trenzinho pela cidade demorou demais”, relembra o presidente. No site do clube, a eleição da Garota 9 será o primeiro evento em que será aplicada a nova estratégia de marketing da nova diretoria. “Queremos buscar parcerias para ajudar a custear o evento e ao mesmo tempo ajudar a divulgar o clube e esses parceiros”, relata Sanã. A data do concurso ainda não está definida. Outro evento dentro dessa estratégia é o 9 Modas, um desfile com lojas da cidade que será aberto ao público em geral. Este deve acontecer logo após o carnaval, na carona das comemorações do Dia Internacional da Mulher, que este ano será na chamada Terça-Feira Gorda. Mas a grande realização da nova gestão deve ser a construção da nova sede social, sonho acalentado pelo ex-presidente e atual vice, Roberto Apolinário Alonso, desde 2007. “Ficou estabelecido que o dinheiro da venda do velho prédio do Centro só poderia ser usado na obra do novo salão. Mas só começaremos após a criação de um plano diretor”, explica Alonso. O projeto estabelecerá o local em que será erguido o novo prédio, que deve abrigar ainda parte da administração e uma nova sauna. “Também pensamos na necessidade de fazer uma academia unificada, já que atualmente os aparelhos estão espalhados pelo clube”, informa o presidente. “Vamos criar também a Loja do Nove, com produtos com a marca do clube”, acrescenta Marks. No esporte, a novidade é criação de equipes para disputar competições externas. “Agora que temos nossa arena coberta, com a única quadra oficial da cidade, vamos disputar os torneios regionais”, afirma o presidente. Ainda segundo ele, sua presidência será caracterizada pela transparência. “Vamos usar o site (que será reformulado), os informativos (que passarão a ser mensais) e os quadros de avisos para informar a todos o que se passa no Nove”, afirma.


Fonte:


Notícias relevantes: