Indaiatuba

Fazenda orienta aposentados sobre desconto no IPTU

A relação entre a população e os Correios parece estar se invertendo em alguns bairros de Indaiatuba. Ao invés dos moradores esperarem os carteiros, são eles que precisam ir até o Centro de Distribuição Domiciliar (CDD) Morada do Sol, localizado no Jardim Califórnia, para retirarem encomendas e correspondências que, às vezes, chegam a atrasar cerca de 15 dias para serem entregues na residência do destinatário. Segundo os moradores, o problema acontece desde o início do ano. Um dos bairros afetados é o Jardim do Vale. Lá, até a última terça-feira, dia 1°, quando os Correios entregaram correspondências datadas do início da segunda quinzena de fevereiro, a última vez que um carteiro havia passado pelo bairro foi no dia 13 do mês passado. No total, foram 15 dias sem serviço da empresa. O químico Ismael Rodrigues Lara Filho, de 39 anos, morador no Jardim do Vale, intrigado com a situação, resolveu ligar para o CDD do Jardim Califórnia para questionar o motivo das cartas chegarem com tanto atraso. “Eles disseram que estavam com falta de funcionários e que não estavam dando conta, por isso estava atrasado. Ainda por cima, disseram que a gente tinha que retirar lá”, lembra. Na quarta-feira, dia 2, no mesmo bairro, o serviço parecia ter sido normalizado. O servidor público Carlos Gustavo Cesari, de 34 anos, que também ficou sem que o carteiro entregasse as correspondências por 15 dias, revelou que na terça-feira, dia 1°, e na quarta-feira, dia 2, sua residência recebeu cartas normalmente. “Estava complicada a situação mesmo. Não fiquei sem pagar contas porque paguei pela internet. Mas parece que estão regularizando a situação porque já passaram aqui por dois dias seguidos”, justifica.


Fonte:


Notícias relevantes: