Indaiatuba

4ª Parada Gay de Indaiatuba acontece neste domingo

Fazendo valer as determinações impostas em novembro do ano passado pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), a partir de quarta-feira, dia 1º de junho, as operadoras de cartão de crédito e as agências bancárias passam a cobrar cinco tarifas dos clientes que fazem uso do cartão. Válida somente para clientes que adquirirem cartões básicos ou diferenciados a partir de quarta-feira, a medida permite a cobrança de anuidade, emissão de 2ª via do cartão, para a retirada em espécie na função saque, no uso do cartão para o pagamento de contas e no caso de pedido de avaliação emergencial para aumento do limite de crédito. Os clientes que já possuem um cartão ou adquiriram o mesmo até hoje, as cinco tarifas começam a valer somente no dia 1º de junho de 2012. Questionado sobre a medida, o economista Aroldo Luiz dos Santos revelou a reportagem da Tribuna que não teve acesso ao texto da resolução 3.919, que fala sobre as mudanças, mas avaliando as informações básicas que compõe as cobranças, ele entende que esse tipo de ação tem como principal objetivo diminuir o consumo, já que o governo Federal dá sinais de que a inflação está fugindo do controle. “Essa é uma medida tomada pelo governo para conseguir frear o consumo, pois ele encarece o crédito para o consumidor e reflete diretamente na inflação”, explica. Segundo Santos, o governo Federal possui dois tipos de políticas econômicas, as expansivas e as restritivas. A primeira é adotada quando existe a necessidade de se elevar o consumo enquanto a segunda tende a diminuir o poder de compra do consumidor.


Fonte:


Notícias relevantes: