Indaiatuba

Saae pede força policial para entrar em sítio na Estrada do Buru

O Centro Esportivo do bairro Rêmulo Zoppi (antigo estádio da Osan), está se tornando aos poucos estacionamento de veículos para alguns moradores da região. Funcionários do local confirmam que um morador tem a autorização para deixar o carro à noite no estacionamento que fica dentro do estádio, mas a Secretaria Municipal de Esportes diz desconhecer o novo ramo de atividade do local. A informação de que o local estava sendo utilizado para outros fins chegou à redação da Tribuna depois de denúncias anônimas. A reportagem foi até o local em pelo menos três dias e, carros que não tem identificação de serem veículos oficiais do Município foram vistos estacionados na parte interna do local. Na tarda de quarta-feira, dia 1º, a reportagem foi até a Osan dizendo que precisava de um local para guardar um veículo. Ao perguntar para um funcionário sobre a possibilidade de isso acontecer, o mesmo garantiu que ao menos um vizinho do local guarda o seu automóvel no Centro Esportivo. Ao questionar sobre a possibilidade de deixar o seu carro no espaço público, a reportagem recebeu a informação de que deveria falar com a administradora do estádio, citada na conversa como Marilu. Segundo esse mesmo funcionário, ela, com o aval do secretário municipal de Esportes, Maurício Baroni, teria autorizado o uso do espaço para que o morador citado guardasse seu veículo à noite na área destinada a prática esportiva. O empregado garantiu que nenhuma quantia em dinheiro era cobrada do vizinho, mas informou que o mesmo seria uma espécie de “cliente” antigo e que deixava o automóvel no estádio desde a administração anterior. “Ele até tem a chave do portão para guardar o carro quando chega à noite”, disse o funcionário. Também se passando por um morador que necessita de uma garagem para guardar o seu carro, a reportagem da Tribuna voltou no dia seguinte para conversar com a administradora do estádio. Segundo Marilu, não era permitido deixar carros estacionados à noite no local. Porém, ela confirmou que um morador do bairro é autorizado a guardar o seu automóvel nas dependências da Secretaria. Marilu informou que se abrisse uma exceção para um cidadão, teria que fazer o mesmo para outros e garantiu que o morador só guardava o seu veículo no local porque ele conseguiu autorização na Prefeitura, junto a Secretaria Municipal de Esportes. Por intermédio da Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura, a Secretaria Municipal de Esportes mostrou que não está sintonizada com seus funcionários e divulgou que desconhece que tal procedimento seja realizado. Foi informado ainda que nem a Secretaria, muito menos o secretário autorizaram que pessoas utilizem o Centro Esportivo do Rêmulo Zoppi como um estacionamento. A Secretaria relatou que vai tomar as providencias para saber se o responsável por vigiar o campo autorizou algum morador a deixar o veículo no local. Caso isso tenha ocorrido o funcionário será advertido e informado que a prática é proibida e que a irregularidade deve ser comunicada as pessoas que fazem uso do estádio da Osan para guardar carros particulares.


Fonte:


Notícias relevantes: