Indaiatuba

Parlamento entra com ação contra resolução da Aneel

Em par-ceria com o músico africano Toumani Diabaté (ganhador do Grammy 2011 de melhor álbum de tradicional world music com Ali And Toumani, disco gravado com o já falecido guitarrista Ali Farka Touré), Arnaldo Antunes e Edgard Scandurra gravaram um álbum na África com faixas inéditas compostas pela dupla. O projeto conta com a produção de Gustavo Lenza (Céu, Curumin, Lucas Santtana) e deve ser lançado em setembro. No mês de março, Arnaldo e Edgard partiram rumo à cidade de Bamako, no Mali, onde passaram dez dias trabalhando no novo projeto. Nas malas, levaram composições inéditas feitas em parceria. Desembarcaram sob os cuidados musicais de Toumani Diabaté, tradicional tocador de kora, instrumento africano semelhante a uma harpa, cujas técnicas são transmitidas por tradição familiar e está na linhagem de Toumani há 72 gerações. O primeiro encontro de Arnaldo e Edgard com Toumani se deu no ano passado, quando o Festival Back2Black os reuniu para um show, no Rio de Janeiro. Outros músicos locais fizeram participações pontuais nas gravações, bem como Sediki, filho de Toumani, que tocou em algumas faixas. Além da kora, instrumentos africanos como balafon (semelhante ao xilofone) e soku (uma espécie de violino de uma só corda, feita de crina de cavalo) também foram usados nas gravações. O registro em vídeo dessa reunião histórica ficou a cargo de Dora Jobim, e deve render um documentário. O álbum será finalizado no Brasil em junho e será lançado em setembro.


Fonte:


Notícias relevantes: