Indaiatuba

Sábado tem novo mutirão odontológico

As 30 monitoras da Creche Professora Silvia Lucia Silva Pinto, no Jardim São Conrado, retornaram ao trabalho na manhã de terça-feira, dia 11. Após acordo entre o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Indaiatuba e a Comissão Organizadora de Medicamentos Fraternos Imediatos (Comfi), responsável pela administração da creche, foi prometida a resolução dos problemas que as funcionárias vinham enfrentando desde março. Na segunda-feira, dia 10, as monitoras protestaram por conta da precarização do trabalho, diante da falta de materiais de higiene, atraso no recebimento nos salários, entre outros problemas. Cerca de 210 crianças ficaram sem atendimento. Na terça-feira, cerca de 26 crianças acabaram sendo cuidadas por um adolescente, filho do caseiro da creche, devido à falta de monitoras. Confira a matéria completa na edição impressa de amanhã da Tribuna.


Fonte:


Notícias relevantes: