Indaiatuba

É Deus ou não?

O Hospital Augusto de Oliveira Camargo (Haoc) fez mais uma retida de órgãos na tarde de hoje, dia 5. A doadora foi a educadora social aposentada Maria Aparecida dos Reis, de 62 anos, conhecida como Nalma, residente no Jardim do Sol. A doação foi a segunda em menos de quatro dias no hospital e a sexta realizada em Indaiatuba este ano. Assim como no caso da doadora de sexta-feira, dia 3, Maria foi vítima de um acidente vascular cerebral hemorrágico (AVCH). Ela deu entrada no hospital na quinta-feira, dia 1º, passou por uma cirurgia de drenagem, mas não resistiu e teve a morte encefálica no sábado, dia 3. Com a aprovação dos familiares, a retirada dos órgãos de Maria para doação foi realizada na tarde ontem, dia 5, durante cirurgia que durou quase cinco horas. Foram doados rins, córneas, fígado e tecidos de pele. Segundo os filhos da educadora social aposentada, doar os órgãos era uma vontade da mãe. “Ela sempre atuou em trabalhos sociais, na igreja, sempre gostou de fazer o bem para as pessoas”, lembra a analista de Recursos Humanos Gláucia Andréia Lopes dos Reis, de 35 anos. “Mesmo com a sua morte, ela continua pensando no próximo e ajudará seis pessoas com a doação.” O destino das córneas foi o Banco de Olhos de Sorocaba (BOS). Os demais órgãos foram levados para a Central de Notificação, Capacitação e Distribuição de Órgãos (CNCDO), do Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, onde os órgãos passarão por testes para definir quem serão os receptores. Maria Aparecida passou por uma cirurgia que a deixou com a saúde debilitada há cinco anos. Entre as sequelas da operação, ela ficou sem a voz. A doadora era aposentada, mas dedicou-se anos à educação municipal no cargo de educadora social. Maria era esposa do árbitro de futebol local Silvio Lopes Reis, de 65 anos. Ela deixou três filhos e quatro netos. A doação da educadora social foi a segunda no Haoc em menos de quatro dias. Na sexta-feira, dia 2, também vítima de AVCH, a enfermeira aposentada Helena Lopes Cruz, de 61 anos, moradora no Jardim Morada do Sol, doou as córneas, os rins e o fígado.


Fonte:


Notícias relevantes: