Indaiatuba

Remédios estão mais caros desde quarta

Desenvolvido desde 1998, a Campanha Natal dos Amigos surgiu da ideia de Fabiano Lopes, o “Grande”, de ajudar os mais necessitados. A primeira arrecadação foi realizada por ele e mais quatro amigos, Fábio Bortolato, Enio Pallaro, Maurício Panzeri e Richard Semente, que receberam as doações em dinheiro e realizaram a compra de 750 brinquedos. Com o aumento da campanha a cada ano, o foco de arrecadação também passou a ser as famílias, por meio das doações de alimentos. A credibilidade da campanha, ao longo dos anos, faz muitas pessoas realizarem as doações em dinheiro, e cabe ao grupo destinar para as compras do que é de necessidade. O objetivo de ajudar os mais carentes também se estendeu às cartinhas enviadas ao projeto Papai Noel dos Correios. Nos últimos seis anos, Grande retirou algumas cartas na agência e o próprio grupo entregou os presentes nas residências. Anualmente, o Natal dos Amigos beneficia em média 1,5 mil pessoas. Somente no ano passado, 2 mil crianças e em torno de 300 famílias receberam a visita do Papai Noel. Grande reforça que não há estimativa certa de quantos presentes são arrecadados todos os anos, pois os beneficiados sempre acabam ganhando mais de um presente. Idealizador e também a figura do Papai Noel nas campanhas, Grande ressalta que, mesmo realizando o projeto há 14 anos, a sensação de presentear as famílias é gratificante. “A emoção é sempre a mesma. A alegria de saber que as pessoas poderão ter um Natal bem diferente de sua realidade faz valer a pena”, completa.


Fonte:


Notícias relevantes: