Indaiatuba

UBS Itamaracá deve começar a ser construída em março

Anunciada em 2014, a verba do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para construção de unidades de saúde na Região Metropolitana de Campinas (RMC) deve ser repassada a partir de março.

No total, a região receberá investimentos de R$ 157,9 milhões do Governo do Espaço, por meio do banco. Indaiatuba recebe R$ 6,7 milhões para a construção da Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Itamaracá - Camargo Andrade. O Estado de São Paulo espera cerca de R$ 801 milhões desse convênio.

A Secretaria de Saúde do município informou à Tribuna, por meio de sua assessoria de comunicação, que o núcleo do BID responsável pela construção solicitou, há duas semanas, fotos do terreno onde sairá a unidade.

Também foi feita a cessão do terreno para o BID, que vai construir, equipar e entregar as chaves para o município quando o posto estiver pronto. A previsão para início das obras, ainda de acordo com a assessoria da pasta, é o mês que vem.

Hoje, a região entre o Itamaracá e o Camargo Andrade conta com um Posto de Saúde da Família (PSF), porém, como recebeu conjuntos habitacionais e tem grande crescimento populacional, a unidade desafogará outros pontos.

O convênio com o BID também repassará um montante para a reforma das UBSs e PSFs do Parque Corolla, do Jardim Oliveira Camargo e Parque Residencial Indaiá.

RMC

Em toda a RMC, a verba viabilizará a construção de 34 unidades e a reforma e adequação de outras 39 UBSs. Além das obras, o projeto contempla também a implantação de protocolos clínicos, qualificação dos profissionais da atenção básica e organização da regulação local, entre outras ações de gestão.


Fonte:


Notícias relevantes: