Indaiatuba

Associação está otimista para RMC

ECONOMIA

Mesmo com o negativismo da população frente ao atual cenário econômico nacional, a Associação Comercial e Industrial de Campinas (Acic) garante que a Páscoa de 2016 será mais recheada. Segundo a entidade, as contratações temporárias deverão subir em torno de 2,5% no período.

Conforme explica Laerte Martins, economista da Acic, o faturamento das vendas de ovos de Páscoa, assim como chocolates e derivados, em Campinas vai render 0,92% a mais do que em 2015. “Apesar da baixa atividade econômica do país, até agora, esta Páscoa deverá ser um pouco melhor que a do ano passado”, afirma.

Na Região Metropolitana de Campinas (RMC) é esperado um aumento de 1,10% no faturamento. No ano passado, o lucro foi de R$ 538 milhões, e agora a estimativa gira em torno dos R$ 544 milhões. Os preços dos produtos voltados para o feriado também irão variar em 13% mais do que em 2015.

Quanto às contratações temporárias, a Acic mostra que a data deve movimentar o mercado na região. O levantamento do departamento de Economia da Acic diz que 2,4 mil pessoas devem ser contratadas na metrópole, o que representa um aumento de 2,29% em relação a 2015.

Para a RMC, a previsão é de 4,8 mil contratações – um aumento de 2,51% em relação ao mesmo período do ano passado. As contratações para a Páscoa começaram no dia 16 de fevereiro e seguem até o início de março.


Fonte:


Notícias relevantes: