Indaiatuba

Conselho da RMC apresenta Bem Acessível

O Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Campinas (RMC) estuda a possibilidade de tornar regional a experiência de Campinas com o cartão Bem Acessível. O projeto oferece facilidade à população portadora de necessidades especiais no atendimento aos serviços públicos. O cartão, desenvolvido por Campinas, foi apresentado na reunião do Conselho realizada terça-feira, em Valinhos.

A secretária dos Direitos da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida de Campinas, Emmanuelle Alckmin, esteve presente no encontro para apresentar o projeto aos conselheiros. De modo geral, o cartão simplifica o acesso a benefícios, como inscrição para gratuidade no transporte público, matrícula na rede pública de ensino, oferece prioridade de vaga a crianças com deficiência, marcação de consulta na rede de Saúde, pagamento de "meia entrada", entre outros benefícios. Segundo Emmanuelle, a RMC tem entre 300 a 400 mil pessoas com deficiência.

Emmanuelle também explicou que o cartão é fruto de uma demanda de mães de pessoas com deficiência e que o projeto facilita o acesso aos direitos já existentes.

De acordo com a assessoria da Agemcamp, a proposta foi bem acolhida pelos conselheiros e será encaminhada à Câmara Temática de Pessoas com Deficiência para definir um formato de viabilizá-la e também sobre a possibilidade de elaborar um censo e um cadastro único da população portadora de necessidades especiais.


Fonte:


Notícias relevantes: