Indaiatuba

Camila e Adma Galacci negociam delação premiada

DELAÇÃO PREMIADA

A Tribuna de Indaiá ouviu o advogado Ralph Tórtima Stettinger Filho, que representa Camila Galacci e Adma Galacci, proprietárias da Incorporadora Bela Vista, além do empresário Rogério Soares da Silva, todos presos preventivamente na manhã de ontem, dia 22, em operação conjunta do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público Estadual.

Segundo o advogado, Camila e Adma negociam a delação premiada. “Fizemos uma manifestação de interesse e estamos aguardando”, aponta. No caso de Rogério, o habeas corpus será impetrado ainda hoje. “É difícil falar em prazo, mas juridicamente falando acreditamos que ele possa responder em liberdade”.

Para Ralph Tórtima Stettinger Filho, as prisões preventivas foram desnecessárias. “No caso deles, não se encontram satisfeitas quaisquer motivos para as prisões”, ressalta. “Sempre que convocados, se fizeram presentes no Ministério Público. E em liberdade, não representam qualquer problema ao processo”.

Cinco mandados de prisão

O pai do prefeito licenciado Reinaldo Nogueira, Leonício Lopes Cruz, foi preso na manhã desta quarta-feira, dia 22, em ação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público (MP), com apoio do Batalhão de Ações Especiais da Polícia Militar (Baep). Além de Leonício, o Baep confirmou a prisão de outras quatro pessoas: o empresário Josué Eraldo da Silva.

Além disso, segundo o 5º promotor de Justiça da cidade, Michel Romano, foram apreendidos mais de R$ 27 mil, mais 800 dólares, 890 euros e 32 folhas de cheque em valores diversos, além de sete carros de luxo e três motocicletas

Veja também:

Operação do MP apreendeu mais de R$ 30 mil e carros de luxo

Pai do prefeito e mais quatro são presos em Indaiatuba


Fonte:


Notícias relevantes: