Indaiatuba

Fenui apresenta vencedores de concurso

A Associação das Entidades Étnicas de Indaiatuba (AEEI) divulgou durante coletiva de imprensa realizada nesta quarta-feira, no Paço Municipal, os vencedores do concurso cultural promovido entre cerca de 3 mil alunos de seis escolas de período integral da rede municipal da cidade.

A ação faz parte das atividades da 19ª Fenui (Festa das Nações Unidas de Indaiatuba), que acontece de 8 a 10 de julho no Pavilhão da Viber com apoio da Prefeitura Municipal e uma série de atrações como apresentações musicais, danças folclóricas, gastronomia e parque de diversões coberto para a crianças.

A edição deste ano tem como tema Africanidade no Brasil, homenageando a etnia afro-brasileira, representada pela Coni (Comunidade Negra de Indaiatuba), que visitou cada escola e compartilhou com as turmas um pouco da história, origem, cultura e características do povo africano. Com base nas informações transmitidas, os alunos do ensino fundamental elaboraram desenhos (1º ao 3º ano) e redações (4º e 5º ano) com o tema Africanidades.

Foram premiados com medalhas de congratulações, jogos e fones com MP3 os primeiros lugares de cada ano em cada escola, totalizando 45 vencedores, cujos trabalhos estarão expostos na Fenui. Participaram do encontro o prefeito em exercício Antônio Carlos Pinheiro (PTB), os secretários municipais de Educação, Rita de Cassia Trasferetti, e Comunicação Social, Odair Gonçalves, e o vereador Célio Massao Kanesaki (DEM), além dos representantes das etnias que integram o evento. Os ingressos para a 19ª Fenui custam R$ 5 por dia, mas no almoço de domingo a entrada é franca. Parte do total da renda arrecadada será revertida para o Projeto Viver, da Prefeitura Municipal. A expectativa é de que cerca de 20 mil pessoas participem do evento - mais informações: www.fenui.com.br.

"Gostaria de agradecer a todos os organizadores pelo empenho e trabalho com que estão preparando mais esta grande festa em nossa cidade", disse Pinheiro. "Sem dúvida que a Fenui já é um dos eventos mais tradicionais e aguardados da região, uma grande celebração cultural das várias etnias que temos aqui representadas, com muita diversão para toda a família. Desejo que seja novamente mais um sucesso e convido a todos os indaiatubanos a prestigiarem o evento", completou.

"É uma imensa satisfação para nós poder ter mais uma vez em nossas escolas uma iniciativa tão rica quanto o concurso cultural que a Fenui desenvolve", destacou a secretária municipal de Educação Rita de Cassia Trasferetti. "É muito bonito ver como as crianças recebem com entusiasmo todas as informações que foram gentilmente passadas nesta edição pelos representantes da Coni e, depois, ver esta experiência transformada em desenhos e textos de alta qualidade e que mostram como assimilaram este conteúdo, é muito gratificante. Quero agradecer à AEEI pela oportunidade de participar novamente deste processo, que tanto colabora para a formação de nossos alunos", finalizou.

"Quero agradecer ao apoio fundamental da Prefeitura Municipal, que nos possibilitou ter maior representatividade das etnias em nossa festa", acrescentou o presidente da AEEI José Carlos Bannwart. "Temos muito orgulho de termos uma comunidade organizada, que trabalho duro em conjunto para organizar um evento como este, com a participação significativa de tantas etnias. Também agradeço o esforço da Coni que, mesmo em meio a dificuldades, se mostrou totalmente disponível para levar um pouco da cultura afro brasileira às escolas e participar conosco nas apresentações folclóricas que, sem dúvida, serão também mais uma grande atração para o público", falou.

"Sem o apoio de todos os parceiros da AEEI e todas as etnias envolvidas na Fenui, não teríamos conseguido apresentar um trabalho tão significativo, que realmente expressa um pouco da cultura afro-brasileira", apontou o tesoureiro da Coni, Antônio Doniseti Dias que, ao lado da presidente Maria Angela Faustino, representou a entidade na coletiva. "Não medimos esforços para fazer um levantamento apurado e poder levar às crianças nossas raízes, nossa cultura e os conceitos atrelados à igualdade social. A recepção dos alunos foi fantásticas e ficamos muito felizes em integrar esta ação. Agradeço a todos os componentes da AEEI, pessoas públicas e jurídicas que nos apoiaram".


Fonte:


Notícias relevantes: