Indaiatuba

Ideia é impor desafios ao cérebro para exercitá-lo

A Supera defende que o maior "veneno" para o cérebro é a rotina, assim, uma vida estimulante e rica em desafios é importantíssima, bem como boa alimentação, exercícios físicos, sono de qualidade e controle da ansiedade e estresse.

Para isso, a academia utiliza diferentes métodos para exercitar o cérebro. De início, uma das principais ferramentas é o ábaco, um instrumento que os antigos usavam para fazer cálculos antes da invenção das calculadoras. Com a prática, é possível sentir melhoras significativas em habilidades como raciocínio, foco e concentração.

No lugar das conhecidas atividades aeróbicas, praticadas para exercitar o corpo, exercícios neuróbicos são praticados na Supera e fazem com que o cérebro saia da zona de conforto, criando novas conexões.

Como parte das aulas, os alunos usam jogos de tabuleiro, individuais ou em grupo, desenvolvendo habilidades cognitivas e socioemocionais, como estratégica, relacionamento e autoconfiança.

Para completar, foram criadas apostilas com exercícios exclusivos, dinâmicas em grupo e vídeos motivacionais que contribuem para a aplicação de uma metodologia efetiva.

"O curso dura cerca de um ano e meio, dependendo da evolução de cada aluno", avisa Carramenha. "No total, são 200 horas, divididas em duas horas semanais em que são trabalhadas várias apostilas, cada uma com seu objetivo, além de atividades com ábacos, jogos coletivos e individuais e dinâmicas em grupo", completa.

A Supera

A Supera é a primeira rede de escolas de cursos livres da América Latina com a proposta de desenvolver o cérebro. Nasceu em novembro de 2005, após dois anos de muito trabalho e pesquisa conduzidos pelo engenheiro formado pelo ITA, Antônio Carlos Guarani Perpétuo, que, pesquisando em meio para resolver a dificuldade de concentração de seu filho, conheceu o ábaco, instrumento milenar muito usado nos países orientais, e se encantou com essa maravilhosa ferramenta educacional, decidindo assim, ocidentalizar sua prática. Junto a uma equipe de professores e pedagogos, hoje, quase 200 unidades do Supera oferecem o curso em 22 Estados brasileiros e uma em Lisboa, Portugal, disponibilizando-o a diversas escolas, empresas e órgãos públicos.

Em Indaiatuba, a Supera fica na Rua Dom José, 565, Jardim Pau Preto. O telefone para contato é o (19) 3825-2558 e o e-mail é [email protected] Mais informações estão no site, www.metodosupera.com.br ou no Facebook: Método Supera Indaiatuba.


Fonte:


Notícias relevantes: