Indaiatuba

Indústria fecha mais 350 postos de trabalho

EMPREGO

O nível de emprego industrial na Diretoria Regional do Centro da Indústria do Estado de São Paulo (Ciesp) voltou a cair em Indaiatuba , de acordo com o levantamento feito pelo Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos (Depecon) da Ciesp e Fiesp. A região, composta por 12 municípios, fechou 350 postos de trabalho em setembro, numa queda de 0,4%.

O desemprego tinha dado um respiro para o setor em agosto, depois voltou a cair e registra novo recuo agora. No ano, o acumulado já é de -3,62%, representando uma queda de aproximadamente 3.150 postos de trabalho. Nos últimos 12 meses, o total chega a -7,27%, o que significa o fechamento de 6.550 vagas.

Na comparação com o mês de setembro de 2015, a melhora no setor é notável, já que a queda no ano anterior foi de 1,41%.

Paulo Francini, diretor titular do Depecon, explica que o ritmo de queda tem diminuído, mas ainda continua a haver cortes. "O que se quer é que não haja demissões", avalia.

Setores

A maior queda foi no setor de bebidas, que recuou 4,29%. O segundo pior resultado foi de produtos químicos, com -2,16%, seguido dos produtos têxteis (-1,07%) e de máquinas, aparelhos e materiais elétricos (-1,91%). Esses foram os setores que mais influenciaram o cálculo do indicador total da região.

Os níveis positivos ficaram com metalurgia (0,5%), veículos automotores e autopeças (0,4%) e celulose e papel (0,3%).

No ano, o pior acumulado fica para o setor de produtos minerais não-metálicos (-10,77%) e o melhor é de produtos alimentícios (9,24%).

Anteriores

Em agosto, a variação ficou em -0,52%, o que representou a redução de quase 450 postos de trabalho. Em julho, o cenário foi um pouco melhor, com variação positiva de 0,22%, representando o aumento de cerca de 200 postos de trabalho.


Fonte:


Notícias relevantes: