Indaiatuba

Reinaldo Nogueira lança livro sobre a Guarda

LIVRO

O prefeito afastado Reinaldo Nogueira (PMDB) lançou o livro Segurança é Outra Coisa na quarta-feira. A apresentação foi feita para a imprensa, autoridades e convidados.

No livro, Nogueira compila informações teóricas e práticas comprovadas. Trata-se de um trabalho que teve início na gestão dele como prefeito em 2008.

"Nós tínhamos a intenção de fazer uma segurança diferente, então fizemos um projeto, o planejamento e fomos agregando empresas, parceiros, equipe técnica e investimento", conta. "E nós transformamos a segurança pública da cidade nesses últimos três anos em um case de sucesso. Até se a gente pegar os dados da Secretaria de Segurança Pública do Estado, a gente vê quanto que foi positivo a implantação desse sistema", afirma.

Prefácio

Segurança é Outra Coisa conta com prefácio do atual presidente do Brasil, Michel Temer, que durante a explanação acerca do que o leitor vai encontrar no decorrer das páginas, revela conhecer Reinaldo Nogueira e também a administração feita por ele em Indaiatuba. "Reinaldo Nogueira provou que é possível enfrentar situações sérias em uma cidade, sem esconder por trás da famosa transferência de responsabilidades. Tomou para si o problema e o encarou para o bem dos cidadãos. Por esse viés, a leitura já seria interessante, mas a dimensão da contribuição que o livro pode dar aos gestores públicos é imensa", diz Temer no texto de início do livro, terminando sua participação ao sugerir que a leitura do livro é obrigatória para o gestor que deseje assumir com responsabilidade um município. "A riqueza do conteúdo apresentado é demonstrar que o modelo adotado em Indaiatuba pode ser adequado a qualquer município brasileiro".

Opinião

Para o irmão de Reinaldo, o deputado estadual Rogério Nogueira (DEM), o prefeito escreveu um livro importante não só para Indaiatuba, mas também para outros estados do Brasil. "Com esse projeto de segurança pública, a gestão conseguiu unificar a Guarda Civil, com a Polícia Militar. Algo que é muito difícil no Brasil", pondera. "Além disso, temos câmeras espalhadas por toda a cidade; quando eu vou pedir mais escrivãs, mais delegados, mais policiais, recebo a resposta de que o nível de criminalidade aqui é muito baixo, então eles acabam enviando para outras cidades que têm mais necessidade".

O deputado ainda conta que o livro mostra como foi todo o trabalho, como tudo começou. "Ele mostra o caminho das pedras para os prefeitos novos que vão começar uma administração", conclui.

Com relação a vendagem do livro, Reinaldo Nogueira ainda não sabe exatamente como vai proceder. "Ainda não temos ideia de como vamos disseminar o livro, mas se for à venda, toda a arrecadação será revertida a alguma entidade", garante.


Fonte:


Notícias relevantes: