Indaiatuba

Clinica desativada gera preocupação aos comerciantes

A Tribuna recebeu na semana passada a reclamação de comerciantes quanto a uma clinica desativada, localizada na esquina da Rua Onze de Junho com a Rua Osvaldo Cruz. Segundo os comerciantes da região, há dois anos a situação ficou critica porque as telhas do prédio foram quebradas e roubadas, e quando chove acumula água na laje. Isso acaba virando foco do mosquito Aedes. “Eu estou aqui há cinco meses, mas o prédio já está parado há anos. O problema é o telhado em cima, que acumula água e vira um criadouro. Se você ficar aqui dentro da loja em pouco tempo um pernilongo vem em cima”, comenta Haiston de Melo, que tem um comércio ao lado da antiga clinica.

 

O comerciante Ulisses da silva também relata o problema. “A situação piorou de uns dois anos para cá, mas o local está desativado há uns cinco anos. Em minha opinião, as pessoas invadem o prédio e começa a quebrar as telhas e é laje, então deve estar cheio de larvas lá. Às vezes, vemos pernilongos aqui, na esquina do prédio fica cheio também”, comenta. “Esses dias, tinha uma equipe da dengue na rua e fui falar com uma das agentes e ela disse que não poderia entrar no prédio para fazer vistoria porque não tinha autorização. Fui conversar com o dirigente da equipe e ele me informou que eu teria de ir à prefeitura protocolar uma reclamação, para depois eles entrarem em contato com o proprietário e ele autorizar abrir o local para fazerem a vistoria”, conta.

 

Vistoria feita

A reportagem questionou a prefeitura se proprietário do prédio já foi notificado quanto à necessidade de arrumar o telhado do local. A Pasta informou na semana passada que não tinha reclamação formalizada do prédio. “No entanto, uma equipe do Programa de Controle da Dengue irá ainda na sexta-feira (dia 6) fazer uma vistoria no local”, informou a Secretaria por meio de sua assessoria de imprensa. Segundo os comerciantes, a prefeitura esteve no local junto com o proprietário e fez a vistoria.

 

A secretaria também disse que equipe de dengue pode entrar no local para fazer limpeza e vistoria, mediante a autorização do proprietário, ou seguindo a legislação de ingresso forçado, quando há recusa (Lei nº13.301 de 27 junho de 2016). As reclamações e denúncias quanto a locais com foco de larvas podem ser feitas pelos canais de comunicação da prefeitura, nos telefones 0800 770 7702 ou 3834-9000, ou pelo site www.indaiatuba.sp.gov.br/fale-conosco.


Fonte:


Notícias relevantes: