Indaiatuba

Indaiatuba já arrecadou R$ 39 milhões com IPVA

Balanço

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo fechou balanço parcial do primeiro ciclo de pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2017, em janeiro.

Indaiatuba tem 128 mil veículos tributáveis e, até o dia 26 de janeiro, já tinha arrecadado R$ 39.297.369,10. O montante é 2,2% maior que o arrecadado em 2016. Entre os valores arrecadados com pagamentos à vista, o crescimento foi de 2,9% na comparação com ano passado.

No total, até a semana passada, 61.689 motoristas pagaram o imposto, sendo que 30.772 deles escolheram o pagamento à vista e outros 30.917 pagaram apenas a primeira parcela, tendo, ainda, outras duas parcelas para acertar com o Estado. Entre os pagamentos à vista, a arrecadação já foi de R$ 27.650.939,10, enquanto os pagamentos da primeira parcela renderam R$ 11.646.430.

O valor é pouco maior que o arrecadado no mesmo período do ano passado, quando o montante foi de R$ 38.419.555,37. O número de pagantes, no entanto, foi maior em 2016 (62.375). Os pagamentos à vista resultaram em R$ 26.847,965,36 e os parcelados renderam R$ 11.571.590,01.

Estado

Até o dia 26, no Estado de São Paulo, a arrecadação chegou a R$ 5,58 bilhões referentes a 8,85 milhões de veículos, cujos proprietários quitaram o tributo à vista, com o benefício de 3% de desconto, ou efetuaram o pagamento da primeira parcela do imposto.

Em relação ao mesmo período do ano passado há um crescimento de 3,3% nos valores arrecadados somente com o pagamento à vista do imposto. O resultado reflete a importância do desconto de 3% o para os proprietários: além de representar uma economia no pagamento do imposto, o percentual é maior que o rendimento de qualquer aplicação financeira.

No total, 4,2 milhões veículos tiveram o IPVA pago integralmente, com desconto, resultando aos cofres públicos R$ 3,95 bilhões. A Fazenda também registrou que proprietários de 4,6 milhões de veículos optaram pelo parcelamento e efetuaram o pagamento da primeira cota do imposto, totalizando R$ 1,63 bilhão.

Esses valores são divididos meio a meio com os municípios paulistas e são recursos importantes para a gestão dos serviços públicos das 645 administrações municipais no início de cada ano. As cidades com maiores arrecadações do imposto até agora foram São Paulo (R$ 1,89 bilhão), Campinas (R$ 212,73 milhões) e São Bernardo do Campo (R$ 136,41 milhões).

Vencimento

O calendário de vencimento do IPVA terá sua sequência a partir de quinta-feira, dia 9 (veja a tabela ao lado). Os proprietários devem ficar atentos às datas de vencimento do tributo definidas de acordo com o final de placa para o pagamento à vista, sem desconto, ou para o pagamento da segunda parcela do imposto.

É possível efetuar o licenciamento antecipado em fevereiro ao quitar o IPVA em cota única sem desconto, aproveitando da comodidade de receber o CRLV em sua residência.


Fonte:


Notícias relevantes: