Indaiatuba

Hospital Santa Ignês voltará a ter pediatria já neste mês

O Hospital Santa Ignês voltará a ter atendimento pediátrico a partir deste mês. O retorno, segundo informações da assessoria da unidade, dá continuidade ao trabalho de reestruturação do hospital em Indaiatuba. Desabilitado há quase quatro anos, o departamento pediátrico estará sob a responsabilidade da dra. Ingrid Cohen.

A unidade de saúde deixou de atender a pediatria no final de março de 2013, como noticiou a Tribuna na época. O setor foi extinto durante as reformas do hospital e as crianças eram, então, encaminhadas a uma clínica particular, que, depois, deixou de atender a alguns convênios, gerando indignação dos pais.

O funcionamento do novo setor de pediatria será apresentado à imprensa na segunda-feira.

Melhorias

Em 2016, a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Adulta passou a ter 15 leitos, sendo dois de isolamento. Outros 30 novos leitos de internação foram criados e o setor de urgência e emergência ganhou integração com o centro cirúrgico, sala de emergência e setor de imagem. O crescimento estrutural do Hospital Santa Ignês também permitiu a execução de procedimentos inéditos.

Antes feita em Campinas ou nas cidades da região, a cirurgia cardíaca agora também pode ser realizada em Indaiatuba. A primeira ocorreu em novembro de 2016. O paciente foi um homem de 55 anos. O ato cirúrgico, comandado pelo dr. Cledicyon Eloy da Costa, durou cerca de quatro horas e meia.

"No Hospital Santa Ignês, implantamos o serviço de cateterismo há três anos, são cerca de 75 a 80 exames de cateterismo ao mês", afirma o dr. Ricardo de Caprio, diretor do hospital. "Esse serviço vem evoluindo com a realização de angioplastias coronárias e agora chegou o momento de iniciarmos a cirurgia cardíaca. Os pacientes que precisavam da cirurgia estavam sendo transferidos à Campinas".

Estrutura

Inaugurado em 26 de dezembro de 1972, o Hospital Santa Ignês possui em sua estrutura um Pronto-Socorro integrado ao centro cirúrgico, sala de emergência e setor de imagem; Unidade Coronariana; UTI para adultos com 15 leitos, sendo dois de isolamentos; UTI Neonatal com seis leitos; a única UTI Pediátrica de Indaiatuba com cinco leitos; e um completo Centro de Serviços.


Fonte:


Notícias relevantes: