Plano de Mobilidade será apresentado em audiência

Indaiatuba

Plano de Mobilidade será apresentado em audiência

A Prefeitura promove na sexta-feira, às 17h, a segunda audiência pública do Plano Diretor Municipal de Mobilidade Urbana Sustentável (PDMUS), que acontecerá no Auditório do Paço Municipal.

O PDMUS de Indaiatuba começou a ser elaborado em 2015 com o levantamento de dados, diagnósticos e formulação de diretrizes associadas aos temas principais: sistema viário; trânsito; transporte coletivo; transporte cicloviário; mobilidade a pé, e mobilidade na área central.

Quanto às diretrizes do sistema viário, o Plano considerou a cidade dividida em três regiões: zona de expansão, zona em consolidação e zona consolidada. A primeira se refere às regiões do Parque Campo Bonito, do Pimenta e região Central; a segunda engloba principalmente periféricas que incluem as chácaras, e a terceira, a zona consolidada, inclui a região central, parte do Jardim Morada do Sol e parte do Distrito Industrial.

Projeto

O estudo foi elaborado pela Oficina Engenheiros Consultores Associados, seguindo a metodologia sugerida pela Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades. O trabalho da consultoria foi acompanhado pela administração municipal, por meio de uma comissão formada por integrantes das secretarias municipais de Administração, Planejamento Urbano e Engenharia, Obras e Vias Públicas, Desenvolvimento, Segurança Pública, Urbanismo e Meio Ambiente e Habitação.

Entre as orientações para a elaboração do Plano estava a vinculação do mesmo ao Plano Diretor Municipal, além da análise e proposição de diretrizes, ações e projetos para ampliação da mobilidade da população em condições adequadas e qualificadas; reorganização da rede de transporte coletivo, com especial atenção para as questões de integração interna a este modo de transporte e dele com os demais modos.

Em abril de 2016 foi realizada a primeira audiência para apresentação do PDMU - Fase de Diagnóstico e Formulação de Diretrizes. Na ocasião foram abertos canais de comunicação para que a população pudesse apresentar sugestões.


Fonte:


Notícias relevantes: