Indaiatuba

Cidade assina termo de migração para TV digital

Na tarde da última segunda-feira, o prefeito Nilson Gaspar (PMDB) assinou o Termo de Cooperação do processo de migração do sinal de TV analógica para o sinal digital. O acordo foi firmado com a Seja Digital, entidade responsável pelo processo de transição do sinal no Brasil, e possibilitou que Indaiatuba fosse a primeira cidade da Região Metropolitana de Campinas (RMC) a assinar o documento.

A parceria tem como objetivo fortalecer a informação e orientação da população sobre o desligamento do sinal analógico, que deverá ser realizado no dia 29 de novembro, em toda a RMC. Após esta data, a população só poderá assistir à programação da TV aberta por meio do sinal digital, que oferece qualidade de som e imagem semelhante à do cinema.

A Seja Digital também irá distribuir kits com conversor e antena digital para os beneficiários de programas sociais do Governo Federal, o que irá possibilitar às famílias de baixa renda o acesso à nova tecnologia. Em Indaiatuba, 10,5 mil pessoas estão inscritas no Cadastro Único da Secretaria da Família (Semfabes).

Assim, mesmo utilizando televisores mais antigos, como os de tubo, milhares de munícipes vão poder continuar assistindo à TV após o desligamento do sinal analógico. Além disso, a Prefeitura abriu as portas das escolas municipais para a realização de atividades socioeducativas relacionadas ao processo de migração do sinal de TV. Os agentes de saúde, por sua vez, incorporaram esforço extra para sensibilizar a população quanto à importância de todos estarem preparados para receber o sinal digital.

Participaram da assinatura o secretário da Família e do Bem Estar Social (Semfabes), Luiz Henrique Furlan, e a diretora do Departamento de Proteção Social Básica, Marcela Buono. Representando a Seja Digital, estavam a gerente regional, Andréia Marques; a mobilizadora social, Gisela Gerotto; e o organizador de eventos, Rafael Yssis.

Equipamentos

Gaspar lembra que Indaiatuba ocupa o 30º lugar como cidade mais inteligente e conectada do Brasil, conforme o ranking do estudo Connected Smart Cities, de 2017. "Assinar este termo de cooperação valoriza ainda mais esta característica. Também estamos instalando mais fibras óticas para integrar nossos sistemas e caminhamos rapidamente para ser uma cidade cada vez mais digital. Tenho certeza de que toda a população vai colaborar para receber o sinal digital até novembro", reforçou.

Andréia Marques, gerente regional da Seja Digital, destaca que o sinal digital já está disponível no município. "A pessoa que receber o kit pode instalar e ter acesso agora ao sinal digital e usufruir da imagem e som com qualidade de cinema. Quem é beneficiário de algum programa social do Governo Federal, pode fazer o cadastro no site do Seja Digital e logo receberá um SMS com a data e horário para retirar o kit nos correios, gratuitamente", explica.

O kit é composto de equipamentos que são distribuídos gratuitamente pela Seja Digital, e inclui uma antena digital, um conversor e um controle remoto. Com ele, será possível que o televisor antigo exiba a programação de TV transmitida pelo sinal digital. Para receber o kit gratuito, é necessário ser participante dos programas sociais federais como o Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, Tarifa Social de Energia Elétrica, entre outros. O cadastro pode ser feito no site: www.sejadigital.com.br/kit, tendo em mãos o número de identificação social (NIS) ou CPF. Caso a distribuição do sinal digital já esteja sendo feita na região e o nome do solicitante estiver na lista, poderá agendar a entrega na hora.


Fonte:


Notícias relevantes: