Indaiatuba

Estação de Itaici enfrenta problemas mesmo após reforma da prefeitura

Há cerca de três anos, a Estação Ferroviária de Itaici, localizada na Rua Francisco Araújo, que estava em situação de abandono, passou por uma reforma. De acordo com informações da prefeitura na época, o prédio de 500 metros passaria por intervenções estruturais e o projeto de revitalização previa a instalação de um espaço para exposição e venda de produtores agrícolas, e um Boulevard. Contudo, além do atraso na entrega da obra, pouco do projeto original do espaço foi preservado.

Por se tratar de um importante prédio histórico e cultural da cidade, a Estação recebeu indicação do Conselho Municipal de Preservação de Indaiatuba para ser tombado como patrimônio. A Tribuna esteve no local essa semana e constatou que apenas o espaço para exposição de produtos agrícolas está em fase final, além de uma academia ao ar livre que já está instalada. Além disso, as paredes da antiga estação estão pichadas, os vidros das portas que haviam sido substituídos na "restauração" já estão todos quebrados e a sujeira também toma conta do local.

De acordo com moradores, a antiga Estação - que era para se tornar um ponto turístico e espaço de lazer - está abandonada. "Todo o investimento que foi feito aí já se perdeu, não valeu nada. Quando forem mexer aí de novo, vai ter que gastar mais dinheiro", reclama Gilvan dos Santos, que mora próximo do local.

"Estava tão bonito, tudo arrumado, mas agora quebraram tudo, rabiscaram as paredes novamente. O museu que eles disseram que ia ter aí, até agora nada", disse Aparecida Carvalho dos Santos, que reside no local há mais de 35 anos. A moradora é do tempo em que as locomotivas e os trens cargueiros passavam pela estação. Tempo que relembra com saudosismo. "Os trens faziam a manobra aqui. Hoje os tempos são outros, está tudo diferente, isso aí é um patrimônio, deveria estar sendo bem cuidado, mas não está, espero que a prefeitura venha e termine o trabalho", reclama.

A moradora lembra que a Estação já foi uma escola e que ela mesma já estudou no local. "Eu fiz até o terceiro ano lá, além de aulas de culinária e pintura", comenta.

Obra

De acordo com informações da prefeitura em 2014, época em que a reforma geral teve início, a antiga Estação de Itaici iria receber investimentos no valor de R$ R$ 821.079,44, com prazo de oito meses para ser concluída. A Estação teve o telhado e o piso do prédio refeitos, e manutenção na parte elétrica, hidráulica, além das adaptações necessárias para acessibilidade e pintura completa.

A Secretaria de Relações Institucionais e Comunicação informou à Tribuna que a obra de reforma e recuperação da antiga Estação foi necessária para a manutenção e conservação do prédio. "A obra foi feita com base em fotografias antigas e sob respaldo de um laudo emitido por um historiador local", ressalta. A Prefeitura também disse que tomou o cuidado para que a estética original do prédio fosse preservada.

Sobre o tombamento, a assessoria confirmou a recomendação do Conselho Municipal de Preservação, e por isso, a Estação foi nomeada de interesse histórico, enquanto o tombamento do prédio está em processo de análise. Ainda sobre a finalização do espaço para venda de produtos agrícolas, com o fechamento do barracão e construção de banheiros, a pasta afirma não ter previsão do início das atividades no local.


Fonte:


Notícias relevantes: