Indaiatuba

Concessionária lista dicas para reduzir consumo

Iniciativa

Além dos benefícios para o sistema elétrico, a concessionária de energia aponta que o horário de verão também é uma oportunidade para praticar hábitos de vida mais saudáveis. Sair do trabalho com o dia claro é um estímulo para uma caminhada, ir ao parque, andar de bicicleta, curtir a família e realizar outras atividades esportivas e recreativas ao ar livre.

Para ampliar a economia gerada pelo horário de verão, a CPFL Paulista incentiva que seus clientes aproveitem o período para praticar o consumo inteligente de energia no dia-a-dia. Para que isso seja possível, a empresa lista abaixo uma série de dicas para reduzir o consumo, sem comprometer o conforto:

Chuveiro elétrico: colocar o chuveiro na posição verão (o consumo será 30% menor); limpar a saída de água e desligar o aparelho enquanto se ensaboa também representam redução no consumo. Não reaproveite resistências danificadas. Instale aquecedor solar.

Geladeira: deve ser posicionada em local ventilado, afastada do calor, e de paredes e móveis; não utilize a parte traseira para secar peças de roupas; não coloque alimentos quentes em seu interior e nem forre as prateleiras. A porta deve permanecer aberta por pouco tempo e com as borrachas de vedação em bom estado.

Iluminação: se for sair, apague a luz. Substitua lâmpadas incandescentes pelas LED - no caso de uma lâmpada de 100 watts, a economiapode chegar a 80%. Os modelos LED também impedem o aumento da temperatura nos ambientes, reduzindo, consequentemente, o emprego de ar condicionado e ventiladores.

Ar condicionado: evite deixá-lo ligado por longos períodos e com temperaturas muito baixas. O ideal é configurar entre 22º e 25º. Opte por aparelhos com tecnologia inverter, com motores mais eficientes. Manter os filtros do ar limpos também irá evitar esforço do motor.

A concessionária orienta ainda não dormir com a TV ligada, nem usar adaptadores com muitos aparelhos conectados. Na hora de lavar e passar roupas espere acumular um volume maior para evitar desperdício de energia dos eletrodomésticos.


Fonte:


Notícias relevantes: