Indaiatuba

Parlamento Jovem é lançado em encontro na Câmara

Legislativo

Com objetivo de despertar a atenção de jovens e adolescentes para conhecer os trabalhos dos vereadores e a função do Poder Legislativo, a Câmara de Indaiatuba lançou nesta quarta-feira (4), o projeto Parlamento Jovem. As inscrições estão abertas para escolas municipais, estaduais e privadas e acontecerão através do www.indaiatuba.sp.leg.br.

"Queremos chamar a atenção de todos para a necessidade de participar das ações do Poder Legislativo e envolver não só os estudantes, mas toda a unidade escolar, as famílias e a comunidade", explica o presidente da Câmara, o vereador Hélio Alves Ribeiro (PSB). "Sou oriundo de Grêmio Estudantil e desde que cheguei à Câmara, em 2010, alimentava esse desejo".

O projeto foi lançado no Plenário da Câmara e pretende despertar os estudantes, lançando uma questão: o que você faria se fosse vereador por um dia? "Essa questão será levada aos alunos do ensino Fundamental e Médio de Indaiatuba que, através do Grêmio Estudantil, receberão informações de como funciona a Câmara e lançarão seus candidatos a vereador", explica o presidente do Legislativo.

Inicialmente, o Parlamento Jovem deve abrigar seis escolas neste primeiro ano de projeto, atendendo a ordem de chegada das inscrições. Cada escola elegerá 12 vereadores, sendo que cada um será apadrinhado por um vereador da Câmara Municipal. "No final, o estudante participa de uma sessão na Câmara, depois de passar pela experiência de ter vivenciado as atividades e o cotidiano de um vereador, ocupando as cadeiras reais de um membro do Legislativo, debatendo projetos e simulando uma sessão", explica Hélio.

Participação

Os estudantes interessados deverão inscrever-se por meio do Grêmio Estudantil de seu colégio. Após votação, os alunos eleitos, nomeados vereadores, receberão uma cartilha e deverão elaborar um projeto de melhoria considerando os reais problemas de sua comunidade. "Se considerar pertinente, o vereador poderá apresentar o projeto de lei de forma oficial", enfatiza Hélio.

"O Parlamento Jovem chega num momento propício, por tudo que o Brasil está vivendo na política", afirma o presidente da Câmara, que revela: "em um futuro próximo, quero criar também o Parlamento do Idoso". A primeira escola a participar de uma Sessão Ordinária Simulada será a Professor Hélio Cerqueira Leite, no dia 24 de abril, no Plenário da Câmara.


Fonte:


Notícias relevantes: