Indaiatuba

Situação dos créditos de ônibus segue indefinida

IMPASSE

Os usuários do transporte vão continuar sem saber de que forma terão de volta os créditos retidos nos cartões da Citi, antiga operadora de transporte público municipal de Indaiatuba. Na reunião realizada nesta segunda (2), no Ministério Público, a SOU (da Sancetur) recusou a proposta de adaptar os leitores digitais dos ônibus da empresa, para que fizessem a leitura dos cartões Citi.

Em entrevista concedida à Tribuna, na edição impressa do dia 31 de março, o responsável pelo sistema da SOU, Marcos Azevedo, disse que o processo não é tão simples, e que a Sancetur iria avaliar os prós e contras da proposta.

A promotoria deu um prazo, até 12 de abril, para que as partes entrem em acordo amigável; caso isso não ocorra, será aberta ação civil pública.


Fonte:


Notícias relevantes: