Indaiatuba

Pedágio da SP-75 lidera em total de evasões na RMC

Autuações

O Departamento de Estradas e Rodagem de São Paulo (DER-SP) revelou, em levantamento encomendado pelo jornal Correio Popular, que a praça de pedágio da Rodovia Santos Dumont (SP-75) registra o maior número de evasões na Região Metropolitana de Campinas (RMC). Segundo o órgão estadual, no primeiro semestre de 2018 houve 3,7 mil autuações neste trecho da pista, entre as 9,3 mil registradas na região.

Os dados mostraram ainda que a cada duas horas dois condutores furam a cancela. No km 60,8 e bloqueio, foram 3.730 evasões; e no km 62, ocorreram 58. O total deste tipo de infração corresponde a 71% dos casos ocorridos no mesmo período em 2017. A média no Estado é de 132 casos por hora. A pesquisa do DER abrangeu as 11 praças de pedágio na RMC.

O número de evasões na praça de pedágio em Indaiatuba supera o do km 118 da Rodovia Anhanguera (SP-330), no município de Nova Odessa, que registrou 2.663 evasões entre janeiro e julho deste ano. Na sequência vêm a D. Pedro I (SP-065), altura do km 110,1 (Itatiba), com 982; Rodovia Zeferino Vaz (SP-332) km 135 (Paulínia), com 757; novamente a SP-330, km 82 (Valinhos), 428 evasões; Bandeirantes (SP-348), km 115 (Sumaré), 363 casos.

Outras duas praças na SP-332 tiveram 157 evasões (km 135,5 - Paulínia) e 166 no km 159,7 (Engenheiro Coelho). Apenas as praças de pedágio de Jaguariúna e Monte Mor não registraram nenhuma evasão, segundo o DER-SP.

Infração

Em nota enviada à Tribuna, a AB Colinas, concessionária que administra a SP-75, informou que esta e as demais praças de pedágio das rodovias sob sua concessão são monitoradas por equipamentos e as imagens obtidas são enviadas para os órgãos competentes e utilizadas para aplicação de multas de evasão de pedágio. A prática é considerada infração grave, com desconto de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além da aplicação da multa.

A concessionária esclareceu, ainda, que o trecho conta com placa indicativa nas pistas manuais, a respeito da evasão de pedágio, informando sobre a ilegalidade do ato. Mensagens a respeito também são veiculadas nos painéis eletrônicos dispostos nas rodovias administradas pela concessionária.

Desde dezembro de 2013, uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) permite que um agente de fiscalização multe o veículo que "furar" o pedágio apenas pelas imagens do sistema de videomonitoramento da via. 


Fonte:


Notícias relevantes: