Indaiatuba

Colégio ESCALA alerta sobre o uso de plásticos descartáveis

O Colégio ESCALA está iniciando uma campanha de conscientização do uso indiscriminado de materiais plásticos descartáveis. O problema do plástico no meio ambiente se tornou mundial. Só no Brasil são 25 mil toneladas de plásticos que vão parar, todos os dias, no depósito de lixo. Parte vão para reciclagem e o destino do restante são os oceanos causando a morte de centenas de animais marinhos. A única forma de amenizar essa situação catastrófica é a conscientização.

Para dar início à campanha, no primeiro dia de aula desse segundo semestre, a turma do 6º ano B apresentou um seminário aos alunos e funcionários da escola com o tema "Mar de Plástico", relatando o impacto do plástico no meio ambiente. O trabalho foi orientado pelo professor de Ciências e Práticas de laboratório, Rafael Cremonini, e fez parte dos Seminários do Outono, realizados no primeiro semestre letivo.

Segundo a diretora Maria Rosangela Silva, a escola está aderindo diversas providências para cooperar com o meio ambiente e conscientizar os estudantes. "Deixamos de fornecer canudos plásticos na cantina, todo funcionário terá seu próprio copo, na lista de material de 2019 substituiremos os sacos plásticos por envelopes de papel, já reutilizamos garrafas pets nos nossos canteiros de plantas, vamos realizar ainda nesse semestre o plantio de flores e hortaliças em pneus. E o mais importante, vamos reforçar, através de orientações diárias, aos nossos alunos a importância da contribuição deles e de seus familiares nessa luta contra a poluição, batendo firme no uso de sacolas retornáveis, do não consumo de produtos embalados em recipientes plásticos entre outras ações.

A escola mantém ainda o projeto "Patrulheiros da limpeza" que consiste na verificação diária por grupos de alunos nos períodos de recreio e nas salas de aula sobre a limpeza e designação correta dos materiais nos cestos de lixo adequados.

Impacto

De acordo com o Ministério do Meio Ambiente as embalagens, quando consumidas de maneira exagerada e descartadas regular ou irregular - em lugar de serem encaminhadas para reciclagem - contribuem e muito para o esgotamento de aterros e lixões, dificultam a degradação de outros resíduos, são ingeridos por animais causando sua morte, poluem a paisagem, e muitos outros tipos de impactos ambientais.

Todo esse impacto poderia ser diminuído ou eliminado, basicamente, por meio da redução do consumo desnecessário e correta separação e destinação do lixo: compramos somente aquilo que é necessário, reutilizamos o que for possível e mandamos para reciclagem materiais recicláveis e para a compostagem os resíduos orgânicos.


Fonte:


Notícias relevantes: