Educação

Pernambuco inicia retomada gradual de aulas presenciais

Pernambuco inicia retomada gradual de aulas presenciais
Crédito: Reprodução/Internet

O estado de Pernambuco iniciou hoje (5) a retomada gradual de aulas presenciais em meio à pandemia do novo coronavírus. Hoje voltaram às escolas os alunos da educação infantil e dos primeiros anos do Ensino Fundamental da rede particular.

De acordo com o Boletim Epidemiológico do estado, divulgado ontem (4), foram registrados 635 novos casos e 28 novas mortes por covid-19. No total, 12.377 pessoas já perderam a vida para o novo coronavírus e 355.517 já se infectaram.

Conforme o boletim, a ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) estava em 97% ontem na rede pública de saúde e em 88%, na rede privada.

No dia 12 de abril está previsto o retorno dos estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio da rede particular.

De acordo com o governo, a liberação do retorno gradual foi definida a partir da avaliação da situação epidemiológica do estado. Depois de três semanas de crescimento da demanda por internações, na última semana de março a trajetória apresentou queda.

Rede pública

O retorno dos alunos da rede pública estadual de ensino começará daqui a duas semanas, em 19 de abril. Neste dia será a vez dos alunos do 3º ano do Ensino Médio, do Médio integrado à educação profissional e Educação de Jovens e Adultos, na modalidade médio. Neste dia também voltarão alunos dos anos iniciais do Ensino Fundamental e Ensino Infantil.

A partir de 26 de abril, a volta está marcada para o 2º ano do Ensino Médio, anos finais do Ensino Fundamental (8º e 9º anos) e Educação de Jovens e Adultos na modalidade fundamental.

No dia 3 de maio, retornam às aulas as turmas restantes: os alunos do 1º ano do Ensino Médio e dos anos finais do Ensino Fundamental (6º e 7º anos), além dos adolescentes no ensino de instituições de medidas socioeducativas.

A decisão do governo estadual também permite que aulas das redes municipais possam ser reiniciadas a partir de 26 de abril.

Um protocolo com medidas de segurança foi elaborado pelo governo do estado (http://www.educacao.pe.gov.br/portal/upload/galeria/21557/PROTOCOLO_EDUCACAO_V02.pdf). Entre as regras estão a medição de temperatura, o uso de máscaras e a higienização das mãos com álcool em gel.  

O documento contém também requisitos como manutenção de distância de pelo menos 1,5 metro, definição de locais fixos para estudantes em sala de aula, reduzir a circulação em ambientes comuns (como refeitórios), suspender a realização de eventos) e escalonar diferentes horários de entrada e saída.

Os alunos que não quiserem comparecer às escolas poderão seguir acompanhando as aulas por meio de uma plataforma criada para a disponibilização dos conteúdos (EducaPE).


Fonte:


Notícias relevantes: