Saúde

Rio tem calendário para vacinação, mas aguarda novas remessas

Tânia Rêgo/Agência Brasil
Vacinação drive thru na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), zona norte do Rio. A cidade do Rio de Janeiro retoma hoje (25) sua campanha de aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 em idosos da população em geral. Hoje serão vacinados os idosos com 82 anos.
Crédito: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A Secretaria Municipal de Saúde já tem um calendário para a sequência da vacinação na cidade, mas as datas de recomeço a partir dos 80 anos dependem do anúncio oficial do Ministério da Saúde para novas remessas das vacinas CoronaVac e Oxford/AstraZeneca.

“Nós temos, a partir dos dados oficiais, condições de produzir um novo calendário - eu diria que já está pronto, mas a gente só vai divulgar a partir do momento que tiver a informação oficial. Se chegar [informação oficial de remessa de vacinas] hoje à tarde, à noite, a gente divulga”, disse o prefeito Eduardo Paes, ao divulgar o 8º Boletim Epidemiológico sobre a situação da covid-19.

Ele  destacou que há muita gente angustiada com o anúncio de retomada do calendário de vacinação, mas disse que é preciso aguardar para não dar informações que podem não se confirmar. Enquanto isso, continua a vacinação para pessoas a partir de 80 anos, marcada para amanhã (27).

Paes adiantou que neste sábado estará no Parque Madureira, na zona norte, para acompanhar a vacinação de Tia Surica e de outros integrantes da Velha Guarda da Portela. “Vai ser a única vacinação que eu vou aparecer na foto”, disse Paes, um torcedor da azul e branco de Oswaldo Cruz e Madureira.

Até o início da manhã de hoje, a cidade do Rio de Janeiro registrou 300.113 pessoas vacinadas com a primeira dose, o que significa 4,45% de quem foi imunizado com essa dose. Com a segunda, são 77.337 pessoas.


Fonte:


Notícias relevantes: