Saúde

Covid-19: Brasil tem 391,3 mil mortes e 14,3 milhões de casos

Tânia Rêgo/Agência Brasil
Vacinação drive thru na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), zona norte do Rio. A cidade do Rio de Janeiro retoma hoje (25) sua campanha de aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 em idosos da população em geral. Hoje serão vacinados os idosos com 82 anos.
Crédito: Tânia Rêgo/Agência Brasil
O total de mortes causadas pela pandemia do novo coronavírus chegou a 391.936. Nas últimas 24 horas, foram confirmados 1.139 novos óbitos. Ontem (25), o balanço diário marcava 381.478 vítimas que não resistiram à pandemia.
Boletim/situação epidemiológica da covid 19 no Brasil/26.04.2021

Ainda há 3.628 mortes em investigação por equipes de saúde. Isso porque há casos em que o diagnóstico sobre a causa só sai após o óbito do paciente.

Já a soma de diagnósticos positivos desde o início da pandemia alcançou 14.369.423. Ontem e hoje, foram confirmados 28.636 novos diagnósticos positivos. Ontem, o painel do Ministério da Saúde marcava 13.973.695 casos acumulados.

As informações estão na atualização diária do Ministério da Saúde, divulgada na noite desta segunda-feira (26). O balanço é elaborado a partir dos dados sobre casos e mortes levantados pelas autoridades locais de saúde.

O número de pessoas recuperadas está em 12.879.051 e o de pacientes com casos ativos, em acompanhamento por equipes de saúde, em 1.098.436.

Os dados em geral são menores aos domingos e às segundas-feiras porque há menos trabalhadores para fazer os novos registros de casos e mortes no fim de semana. Já às terças-feiras, os dados tendem a ser maiores, já que neste dia o balanço recebe o acúmulo das informações não processadas no fim de semana.

Estados

O estado que registra mais mortes por covid-19 é São Paulo (92.798). Em seguida, vêm Rio de Janeiro (42.927), Minas Gerais (32.41), Rio Grande do Sul (24.266) e Paraná (21.656).

Já as unidades federativas com menos óbitos pela doença são Acre (1.488), Roraima (1.472), Amapá (1.517), Tocantins (2.473) e Alagoas (4.138).


Fonte:


Notícias relevantes: